Fundos imobiliários ou imóveis físicos: qual a melhor opção?

0
1135

O brasileiro sempre teve o hábito de comprar imóvel para morar ou para investir. Dado as possibilidades que ele tem de conseguir investir e ganhar aluguéis mensais, qual é a melhor opção: fundos imobiliários ou imóveis físicos?

Neste artigo iremos comentar sobre as características de cada investimento, vantagens e riscos, para que você tenha mais insumos para decidir qual opção faz mais sentido e possa tomar melhores decisões.

Conecte suas contas e acompanhe seus investimentos de forma automática e segura.
Baixe gratuitamente!

 Antes de mais nada, o que são fundos imobiliários?

Essa é uma modalidade coletiva de investimento, em que o investidor adquire cotas para participar do fundo. Enquanto isso, um gestor profissional se responsabiliza pela composição do portfólio e negociações de ativos.

Nesse caso, o foco é em alternativas atreladas ao mercado imobiliário, que podem ser imóveis, títulos de crédito relacionados ao mercado imobiliário ou cotas de outros FIIs. Ao investir, você pode obter ganhos com o pagamento de rendimentos periódicos e com a valorização da cota.

O quadro abaixo ilustra como é o investimento em FIIs:

Existem diferentes tipos de FIIs, o que influencia nos riscos e potencial de retorno. Os 3 principais são:

  • Fundos de tijolo: investem de maneira majoritária em imóveis físicos. A política desses fundos é investir na aquisição, construção ou exploração comercial de imóveis buscando gerar uma renda mensal ou até mesmo uma potencial valorização dos mesmos.
  • Fundos de papéis: pertencem a uma classe de ativos imobiliários que tem como estratégia investir em títulos de crédito com lastro no mercado imobiliário, como LCI, CRI, títulos de recebíveis imobiliários, cotas de outros fundos imobiliários, entre outros.
  • Fundos de fundos: aporta em cotas de outros FIIs, favorecendo a diversificação.

Atualmente mais de 1,3 milhão de investidores estão posicionados em fundos imobiliários, de acordo com a B3, o que mostra a atratividade desse tipo de investimento.

Quais são as vantagens dos FIIs?

A primeira é a acessibilidade para investir no mercado imobiliário no qual, as cotas podem ter diferentes preços, trazendo oportunidades para os pequenos investidores, além de ser possível investir com R$100 (preço médio das cotas).

Outra vantagem é que, como as cotas são negociadas na bolsa, através do Home Broker da sua corretora, é possível encontrar opções com maior liquidez. Mais um benefício é a diversificação da carteira, pois os fundos são compostos por diversos investimentos. 

Em comparação com a compra de imóveis físicos, os Fundos Imobiliários são mais acessíveis e menos burocráticos. Não há incidência de imposto de renda sobre os rendimentos mensais para as pessoas físicas, desde que sejam cumpridos alguns requisitos, porém há um tributo no caso de lucros pela venda das cotas.

E os imóveis físicos?

Comprar imóvel físico ou investir em fundo imobiliário não é uma comparação justa se você pretende adquirir um imóvel para você e sua família morar. Mas pensando como uma forma de investimento, o imóvel físico geralmente exige um valor muito alto, custos maiores, burocracia e pouca liquidez.

Mesmo que você tenha o dinheiro para comprar um imóvel físico, será que realmente vale a pena concentrar grande parte do seu patrimônio em um único “investimento”? Na verdade, isso é o contrário do que recomendamos ao falar em diversificação de investimentos.

Na tabela abaixo fizemos uma comparação entre os 2:

Como analisar e organizar sua carteira de investimentos?

Agora que você conhece mais sobre os fundos imobiliários, lembramos que a diversificação dos recursos em diferentes classes de ativos e instituições financeiras pode dificultar o acompanhamento e controle do patrimônio.

Entrar no site de cada casa para buscar os informes de IR e classificar seus investimentos em uma planilha de excel pode dar trabalho e tomar muito tempo.

Visando solucionar este problema, a Fliper é uma plataforma (aplicativo e web) gratuita que consolida todos os seus investimentos de bancos, corretoras e FGTS, de forma automática, e ainda envia todos os informes de IR das contas conectadas de uma só vez!

Dê adeus às planilhas de investimentos! Controle seus investimentos em um único app.
Baixe gratuitamente!

Ainda é possível acompanhar gráficos de rentabilidade da carteira, evolução patrimonial, analisar fundamentos dos ativos, receber notificações de proventos, disponibilidade de liquidez, entre diversas outras funcionalidades que ajudam o investidor a tomar melhores decisões.Quem se conhece, melhor investe!

Telas e funcionalidades do aplicativo de investimento Fliper